depressão

Como vencer a depressão!

Como vencer a depressão?

E vem a pergunta: por que estou em depressão? Existe uma depressão circunstancial, uma depressão que vem originada de um perda afetiva, econômica. Essa tem cura, porque é uma fase. Mas existe a depressão crônica. Isso a pessoa trás na genética.

As pessoas que têm essas depressões clínicas não querem tomar remédio a vida toda. Mas você tem que louvar pelo medicamento. É melhor você viver tomando remédio do que viver com a doença.

Existe depressão provocada por hormônios, às vezes é só tratar a tireoide. E existe a depressão espiritual, de causa espiritual. São pessoas que determinam metas grandes e não alcançam. Ou se sentem punidas por Deus. Mas Deus não pune ninguém.

A depressão leva as pessoas a se sentirem culpadas. Muitas vezes, no sacramento da confissão, somos curados. No caso da depressão espiritual, a pessoa acha que Deus a abandonou,  que a Igreja a abandonou.

depressão
Leia mais sobre o assunto

Jesus na cruz se sentiu abandonado por Deus, Ele falou: “Senhor, por que me abandonas-te?” e ainda acrescentou: “Senhor, em tuas mãos eu entrego o meu espirito”. E digo para você: abandone-se em Deus. Preencha sua depressão com Deus!

O Evangelho de São Marcos nos diz: “E alguns dias depois entrou outra vez em Cafarnaum, e soube-se que estava em casa. Logo se ajuntaram tantos, que nem ainda nos lugares junto à porta cabiam; e anunciava-lhes a palavra. E vieram ter com ele conduzindo um paralítico, trazido por quatro homens. E, não podendo aproximar-se dele, por causa da multidão, descobriram o telhado onde estava e, fazendo um buraco, baixaram o leito em que jazia o paralítico.
E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, perdoados estão os teus pecados.
E estavam ali assentados alguns dos escribas, que arrazoavam em seus corações, dizendo:
Por que diz este blasfêmias assim? Quem pode perdoar pecados, senão Deus?
E Jesus, conhecendo logo em seu espírito que assim arrazoavam entre si, lhes disse: Por que arrazoais sobre estas coisas em vossos corações? Qual é mais fácil: dizer ao paralítico: Estão perdoados os teus pecados; ou dizer-lhe: Levanta-te, e toma o teu leito, e anda?
Ora, para que saibais que o Filho do homem tem na terra poder para perdoar pecados (disse ao paralítico), a ti digo: Levanta-te, toma o teu leito, e vai para tua casa.”. (Marcos 2:1-11)

Esses são os amigos que precisamos ter, são amigos que nos levam para Deus. E Deus cura também usando os médicos.

“Honra, pois, o médico por causa da necessidade, pois foi o Altíssimo que o criou. O homem sensato não o despreza.” (Eclo 38)

Nunca obrigue uma pessoa depressiva a fazer uma coisa que ela não quer. Sente-se, converse com ela. Cuidado com discurso: “Você tem tudo, só tem motivos de alegria”.

Depressão é uma doença mental, mas o deprimido não é um deficiente mental. Ele não sai de casa porque não quer, ele não tem forças.

Depressão tem três sintomas: primeiro, ansiedade, medo do amanhã, segundo, melancolia, e no fim da tarde é pior porque baixa a serotonina, e o sentimento de culpa, a pessoa depressiva sente-se culpada.

Padre Léo dizia: viver é administrar perdas, eu digo: Envelhecer é administrar perdas. Perdemos autonomia, amigos. A depressão no idoso é frequente. Como é difícil enfrentar a velhice quando não se tem Deus!

Na depressão, tome todos os cuidados, medicamento, mas também procure Deus. Na velhice, procure Deus!

 

 

Doutor Roque Savioli
Cardiologista e escritor de vários livros pela Editora Canção Nova
Facebook
Twitter
Texto extraído do site da Canção Nova (todos os direitos reservados)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *